Páginas

terça-feira, 20 de novembro de 2012

Quando Quiser Acordar

Não penso em escrever algo novo, mas algo que me faça sentir melhor.
Sei que quase nada dessas linhas vai fazer sentido para alguém, mas rezo para o dia em que isso me desestimular nunca chegue. Se eu pudesse dizer algumas últimas palavras talvez dissesse algo diferente de "use filtro solar", mas não sei se estaria longe disso. Já deu pra perceber que não sei muito o que dizer, não vivi a vida que eu queria e não descobri todos os prazeres do mundo. Talvez esteja completamente perdido, mas isso ainda não me preocupa muito.
Não faço a menor ideia de como serão os meus últimos anos e não faço questão de alimentar expectativas. Muitas faço sou capaz de fazer coisas extremamentes idiotas na tentativa de transformar a vida em um sonho. Será que um dia aprendo? Será que eu devo aprender?
É muito fácil fazer conselhos e sair culpando todos e nós mesmos. Por isso apenas olhe a janela, veja o horizonte, apenas olhe e esqueça tudo que possa exercer algum controle sobre nós. É muito fácil se sentir estúpido depois de refletir ao fundo todas as ações. Apenas olhe para a estrela mais distante, sinta sua insignificância diante do universo.
E continue!  Quando quiser acordar para a vida, tudo que vai restar são apenas lembranças do que ainda não foi feito, mas não desista de transforma-las em realidade.

1 Comentários:

palavras ao vento disse...

a vida só e vivida errando só assim aprendemos algo...

Postar um comentário

Pelo menos leia o texto e evite escrever merda!
Eu não me importo que coloque o link de seu blog, só não aceito que se resuma a isso!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails